relacionamento@hdtecnologia.com.br
(62) 3996-7600
como ter uma visão 360 da sua empresa

Ter uma visão 360º da sua empresa significa visualizar a empresa como um todo. É trabalhar a partir de uma perspectiva holística, considerando todas as áreas da empresa, e não, apenas, direcionar o foco naquilo que é nossa responsabilidade.

Vamos imaginar que você ocupa um cargo administrativo e só se preocupa em resolver a sua papelada, descarta qualquer envolvimento com outros departamentos e ignora completamente o ambiente empresarial.

Dessa forma, não consegue perceber quais são os problemas e desafios que acabam interferindo indiretamente no seu trabalho e no trabalho dos demais membros da empresa.

A visão 360º possui quatro pontos administrativos básicos: o planejamento, a organização, a direção e o controle. O domínio destes quatros itens é fundamental para qualquer tomada de decisão.

Pensando nisso, separamos 4 dicas que te ajudarão a estabelecer uma visão 360º da sua empresa de maneira prática e eficiente. Acompanhe!

 

1. Comece a analisar seu negócio de maneira integrada

A empresa é uma máquina que só funcionará corretamente se todas as engrenagens estiverem trabalhando de forma sincronizada. A integração entre os departamentos proporciona engajamento, boas relações no trabalho, crescimento e organização nas atividades desenvolvidas.

Com a execução de ações integradas, os gestores têm maior facilidade de tomar decisões e implementar planos gerenciais efetivos. Além disso, o seu negócio terá maior ganho de produtividade e redução de gastos.

O impacto desta nova forma de gestão também refletirá no aumento da satisfação de seus clientes. Assim, sua empresa terá mais um diferencial na concorrência e consequentemente, um aumento de lucratividade.

Por isso, é primordial considerar que todas as áreas do seu negócio (pessoas, financeiro, logística, administrativo, comunicação e etc.) Devem estar interligadas e se comunicando de maneira fluída.

Ouça seus colaboradores, analise as necessidades correspondentes a cada um dos departamentos, quais são suas dificuldades, pontos positivos e negativos.

 

2. Tenha conhecimento de mercado e procure estratégias para prosperar dentro do seu negócio.

Imagine a empresa como uma peça dentro de um grande quebra-cabeça, que é o mercado. Para elaborar estratégias de competitividade, você precisa compreender o mercado em que está atuando. Pesquise sobre seu público, seus concorrentes diretos e indiretos, fornecedores e qualquer stakeholder da sua empresa.

Considere todos os fatores possíveis que tendem a impactar na performance da sua empresa: situação econômica, política, novidades e tendências de mercado e assim por diante. Tudo isso o ajudará a elaborar métodos para atingir seus objetivos enquanto empreendedor.

 

3. Crie um planejamento que determine os objetivos e as ações para alcançá-los

Quando se assume um cargo de liderança, é preciso estabelecer um limite quando se trata de envolvimento direto nos trabalhos operacionais do seu negócio. Se você compromete grande parte do seu tempo na execução de atividades técnicas, consequentemente o processo de gestão é afetado de maneira negativa. Mas, por quê?

Porque nos cargos de liderança a responsabilidade é elaborar estratégias e não realizar atividades operacionais. Além disso, monitorar, engajar e coordenar equipes, são atividades padrão nesse tipo de posição. Logo, absorver atividades operacionais podem causar sobrecarga de trabalho, desorganização, improdutividades e resultados insatisfatórios.

É fundamental que um líder gestor tenha condições de dedicar seu tempo para formular um planejamento adequado, conforme a realidade da sua empresa e suas aspirações de crescimento.

Planejar significa projetar objetivos e elaborar ações consistentes para que suas metas sejam alcançadas. Lembre-se de que o sucesso de sua empresa depende de um ótimo planejamento e da execução sistemática de suas ações.

A ideia é simples: Quanto mais consistente é o seu planejamento, maiores são as chances de conseguir atingir suas metas. Ações práticas e assertivas dependem de delineamentos bem elaborados. Dedique-se para que a fase de planejamento seja executada da melhor maneira possível.

4. Utilize a tecnologia a seu favor e aposte em sistemas ERP’s.

Administrar um negócio não é uma tarefa fácil. Muitos gestores cometem erros graves por fazer uso de ferramentas manuais no processo de gestão, como a utilização de planilhas por exemplo. Entretanto, a tecnologia existe para nos tornar mais produtivos.

Atualmente, o acesso à informações de vitais de uma empresa, pode ser realizado de forma prática a partir do uso de sistemas de gestão ERP (ERP – Enterprise Resource Planning ou Planejamento dos Recursos Corporativos).

O objetivo desse tipo de ferramenta é proporcionar um fluxo de informações contínuo, agrupando todos os departamentos da empresa em uma plataforma única na qual é possível ter acesso a qualquer tipo de informação em tempo real, de maneira integrada e segura.

Dados sobre produtividade, informações sobre entrada e saída de produtos, despesas e receitas, tarefas executadas em diversos departamentos e relatórios, são alguns dados que estarão sempre disponíveis para que você consiga ter uma visão 360º do seu negócio de maneira dinâmica e eficiente.

Gostou das nossas dicas sobre como ter uma visão 360° da sua empresa? Então, aproveite o momento para descobrir um pouco mais sobre sua visão empreendedora com o nosso teste “Que tipo de empreendedor é você”. É rápido, simples e divertido! Vamos lá?

Clique aqui e faça o seu teste grátis agora mesmo!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *